COMO FAZER UMA MAQUETE ELETRÔNICA – GUIA DEFINITIVO – REVELANDO TUDO

 Tudo que você precisa para fazer uma maquete eletrônica:


                   como-fazer-maquete-eletronica

                                                                    imagem:bender

Olá, se você quer saber tudo sobre maquete eletrônica e como fazer uma maquete eletrônica, acompanhe este artigo até o final que você sairá daqui com todas as informações necessárias para fazer uma maquete eletrônica com qualidade e foto realista.

Antes de mais nada cabe esclarecer o que é uma maquete eletrônica.

Então vamos lá!

O QUE É MAQUETE ELETRÔNICA?

O que é maquete eletrônica ou maquete virtual 

(maquetes 3d)?


o-que-é-maquete-eletronica
imagem: bender

De forma mais técnica poderíamos dizer que maquetes eletrônicas são representações de formas e volumes
(geralmente ligados à arquitetura) em ambiente computacional.
 
De uma forma mais clara e didática, maquetes eletrônicas são representações gráficas de um projeto arquitetônico ou de engenharia, ou mesmo de decoração de interiores que, através de softwares 3d, dão vida ao projeto transformando os desenhos técnicos 2D em volumes tridimensionais que, com recursos de iluminação, câmeras e texturas conseguem fazer uma representação fidedigna do projeto mesmo antes dele ser construído de fato.
 
Talvez esta seja a grande vantagem das maquetes eletrônicas, materializar os projetos no mundo virtual de modo que possamos ver o resultado previamente, geralmente com qualidade fotográfica e super realista.
 
As maquetes eletrônicas se tornaram ferramentas de vendas extremamente poderosas pois possibilitam que uma obra, seja casa, prédio ou outro tipo de empreendimento imobiliário, possa ser vendido antes mesmo de ser iniciada a obra de fato.
 
Se tornou comum as pessoas comprarem sua casa ou apartamento ¨ NA PLANTA ¨ você já deve ter ouvido falar.
 
Pois isso nada mais é do que um projeto arquitetônico construído em 3D de modo a passar a ideia para o cliente de como ficará a obra depois de pronta.
 
Veja abaixo um exemplo de como é o projeto técnico de uma prédio e de como o mesmo fica depois de transformado em 3D, ou seja, depois que é feito a maquete eletrônica do prédio:

                  comparando-desenho-tecnico-maquete-eletronica
                                                                   imagem: bender

Não resta dúvida que seria muito mais complicado vender um projeto ou uma apartamento somente com o projeto técnico, pois justamente por ser técnico, muitas vezes está além do entendimento de um leigo no assunto.
 
Já com a maquete eletrônica tudo fica mais claro e objetivo de maneira que até uma criança poderia entender o projeto.
 
Antes das maquetes eletrônicas realmente as pessoas compravam um projeto ou aprovavam um projeto sem tantas certezas como hoje em dia. De certo que bons projetistas sempre apresentaram e apresentam seus projetos pelo menos com um desenho em perspectiva da obra pois, sem isso é bastante complicado de se entender um projeto, pelo menos para quem não está familiarizado com isto.
 
Veja abaixo como eram apresentados os projetos. Ainda existem pessoas que desenham à mão seus projetos, o que até tem seu charme e se o desenhista for bom, o resultado pode ser impressionante, porém é um trabalho mais manual e artístico que, além de talento exige mais tempo.
 
     desenho-a-mao-arquitetura 
                                    desenho: Lina Bo Bardi

Para que você tenha real noção da importância de uma maquete eletrônica, confira o gráfico abaixo que mostra o quanto projetos apresentados através de maquetes eletrônicas são mais efetivos e assertivos do que quando apresentados sem maquete eletrônica.
 
Numa pesquisa realizada pela Chaos group mais de 5 ,il pessoas da área foram entrevistadas sendo que 43% dos entrevistado afirmam que a demanda por maquetes eletrônicas tende a aumentar e 85% dos entrevistados consideraram as maquetes eletronicas fundamentais para o SUCESSO de um projeto

grafico-mostra-importancia-das-maquetes-eletronicas
fonte: Chaos Group

Os resultados são notáveis e por isso mesmo praticamente obra nenhuma atualmente é apresentada sem maquetes eletrônicas.
 
 Os próprios clientes por mais leigos que sejam á se deram conta da existência e da importância das maquetes eletrônicas que até para uma casinha de cachorro talvez o cliente queira ver o ¨desenho¨ o ¨projeto 3d¨ ou a ¨maquete virtual ¨ outras formas mais populares de chamar uma maquete eletrônica.
 
 

QUAL A DIFERENÇA ENTRE MAQUETE ELETRÔNICA E ANIMAÇÃO OU TOUR VIRTUAL?


o-que-é-tour-virtual
Imagem: depositphotos.com

Com   o  avanço das  tecnologias   as  possibilidades  também aumentam  e as  maquetes  eletrônicas,  antes  representadas com   imagens  estáticas,  evoluem   para uma  nova forma de apresentação   chamada  de  PASSEIO  VIRTUAL,  ou TOUR VIRTUAL.
 
O passeio virtual ou tour virtual nada mais é do que a MAQUETE ELETRÔNICA só que ao invés de imagens estáticas, a representação é feita através de um vídeo, uma animação em 3D.
 
Apesar de ser uma forma mais sofisticada e impressionante de apresentação, é muito mais trabalhosa e complexa, o que torna o processo mais demorado e consequentemente mais caro.
 
Mas os resultados são incríveis como você pode ver no exemplo abaixo:
 
                                           

Além de mais trabalhoso e demorado os vídeos de tour virtual necessitam de computadores mais potentes para serem confeccionados.
 
Os próprios softwares 3D a cada nova versão surgem com mais recursos e isso automaticamente faz com que necessite de Hardwares mais potentes e preparados sendo que, computadores mais antigos ou menos potentes quase são inviáveis para se fazer maquetes eletrônicas de forma viável e comercial.
 
Abaixo um comparativo que mostra o quanto por exemplo o 3DS MAX, que é um dos softwares mais conhecidos para fazer maquete eletrônica evoluiu e ao mesmo tempo acabou exigindo mais dos computadores:

 
evoluçao-3dsmax
imagem: Autodesk

 QUAIS SÃO OS TIPOS DE MAQUETES ELETRÔNICAS?

 
Como vimos mais acima as representações de projetos arquitetônicos usando recursos de software 3D são consideradas maquetes eletrônicas, porém podemos segmentar o tipo de maquete eletrônica para cada etapa ou parte do projeto.
 
Desta forma teremos maquetes eletrônicasEXTERNAS.
 
Que nada mais são do que imagens que priorizam e mostram a parte externa da obra ou projeto. Por exemplo a fachada de uma casa ou a fachada de um prédio.
 
Pode ser a parte dos fundos da casa, a área da piscina, a parte da varanda da casa, o jardim externo, para tudo isso serão confeccionadas maquetes eletrônicas EXTERNAS como mostram os exemplos abaixo:

 
maquete-eletronica-de-casa

maquete-eletronica-prédio

fachadas-de-casas
imagens: bender

Como temos a maquete eletrônica externa, obviamente que teremos maquetes eletrônicas internas.
 
Estas por sua vez, como o nome já diz, focam na parte interior da casa ou do apartamento ou seja lá o que for.
 
As maquetes eletrônicas internas também são conhecidas como ¨perspectivas¨ ¨imagens de interior¨ ou simplesmente ¨INTERNAS¨
 
    maquete-eletronica-interiores

maqtete-eletronica-3d-interiores

                                                                       imagens: bender

Também existem maquetes eletrônicas que mostram as plantas baixas dos ambientes da casam apartamento e dos projetos em geral.
 
Popularmente ficaram conhecidas principalmente como ¨PLANTA BAIXA HUMANIZADA¨ ou planta baixa 3D, e até mesmo plantas baixas isométricas ou plantas baixas perspectivadas.
 
Estas são maquetes eletrônicas mais técnicas que visam dar ao cliente noções de espaço interno dos ambientes assim como sugestões e possibilidades de mobília e decoração.
 
Estas definitivamente são muito importante e as que mais deixam claro as como será o espaço interno dos ambientes.

 
       planta-baixa-maquete-eletronica
                         
                                                                        imagens: bender
 
Outra forma de representação que também é considerada MAQUETE ELETRONICA são as ¨imagens 360°¨
Esta é uma técnica posterior e bastante atraente que possibilita que o cliente consiga ¨passear¨ de forma interativa dentro do projeto.
 
Veja abaixo exemplos de imagens 360°:
 
maquete-eletronica-imagem-360°
                                                                                       imagem: guiaviagensbrasil

E talvez a forma de maquete eletrônica mais moderna ou pelo menos a mais impressiona em termos de tecnologia são as chamadas REALIDADE AUMENTADA.
 
Este tipo de apresentação é muito interessante e costuma impressionar as pessoas que se deparam com este tipo de apresentação pela primeira vez.
 
Apesar de já haver recursos que facilitam a confecção deste tipo de maquete eletrônica ela ainda não se popularizou sendo que, a forma mais tradicional e usual das maquetes eletrônicas ainda é a primeira opção, IMAGENS ESTÁTICAS.
 
Veja abaixo exemplo da REALIDADE AUMENTADA:
 
maquetes-eletronicas-realidade-aumentada
                                                              Imagem: depositphotos.com

  CURIOSIDADE:
 
Você deve estar familiarizado com o termo ¨ MAQUETE¨ pois durante muito tempo e, ainda hoje, MAQUETE representou aqueles trabalhos artesanais e manuais onde alguém literalmente constrói um projeto em escala menor usando materiais como papelão, madeira e pvs, dentre outros.
 
Veja abaixo um exemplo de MAQUETE TRADICIONAL.
 
maquete-eletronica-maquete-física
imagem: sp.gov
 
Assim fica mais claro de perceber o porquê de MAQUETE ELETRÔNICA. Porque é uma maquete, como a tradicional, porém feita em ambiente virtual.
 
Ok! Agora que ficou entendido o que é uma maquete eletrônica e quais os tipo de maquetes eletrônicas vamos ver como fazer uma maquete eletrônica.

 

MELHORES PROGRAMAS PARA FAZER MAQUETE ELETRÔNICA.


Quais são os melhores programas para fazer maquetes eletrônicas?


qual-melhor-programa-para-maquete-eletronica
Imagem: depositphotos.com

Como vimos, maquetes eletrônicas são feitas em ambientes computacionais e virtuais, ou seja, dentro de softwares 3D específicos para isso com as ferramentas necessárias para a modelagem em 3D.
 
Sendo assim, é importante trazer uma lista dos principais softwares (programas) que são ideias para se fazer maquete eletrônica.
 
Veja abaixo os:

 5 principais programas para fazer MAQUTE ELETRÔNICA:

 

1 –  Autodesk - 3DS MAX

 

O que é o 3DS Max?

 
3ds-max-maquete-eletronica

maquete-eletronica-3ds-max
imagens: Autodesk
 
O software mais conhecido para se fazer maquetes eletrônicas.
 
Ainda que programas como SKETSCHUP abocanharam uma boa fatia deste mercado, o 3DS MAX continua sendo o programa ideal e o mais completo para se fazer MAQUETES ELETRÔNICAS.
 
O 3DS MAX na verdade é um software não só de modelagem 3d como de animação, o que atende totalmente todas as demandas e necessidades de quem pretende fazer uma maquete eletrônica.
É um programa robusto e cheio de recursos que darão conta de qualquer trabalho possibilitando que você fala tanto imagens estáticas como animações.
 
Infelizmente é um programa nada barato mas que possibilita algumas facilidades como versão do programa grátis para estudantes totalmente funcional, porém não se pode fazer trabalhos comerciais com esta versão estudantil.
 
De qualquer modo é uma ótima alternativa para você baixar a versão estudantil e já poder fazer suas maquetes eletrônicas e praticar.
 
Também tem a versão de teste do 3DS MAX totalmente completa e funcional mas que tem duração de 30 dias e após este período a licença expira impossibilitando que você use o programa novamente.
 
Para baixar a versão demo ou estudantil do 3DS MAX basta clicar AQUI.
 

 2 – Autodesk – AUTO CAD

 

O que é Auto Cad?


maquete-eletronica-auto-cad

auto-cad-maquetes-eletronicas
                                                                  imagens: Autodesk

O AUTO CAD é o software pioneiro no que tange desenhos e formas feitos em ambiente computacional, pelo menos no campo da arquitetura, já que o AUTO CAD além de projetos arquitetônicos serve para qualquer tipo de projeto, desde projetos arquitetônicos até projetos de engenharia e mecânicos.
 
Um ¨vovozinho¨ que apesar de antigo ainda cumpre bem o papel de projetar sendo ainda, pelo menos no Brasil, o programa mais usado para projetos arquitetônicos.
 
Porém, com o avanço tecnológico muitos outros softwares e ferramentas surgiram que possibilitam a feitura de maquetes eletrônicas melhores e mais rápidas, o que deixou o AUTO CAD mais de lado e hoje em dia já quase não é usado para fazer maquete eletrônica.
 
O processo mais comum é que uma pessoa faça o projeto técnico e 2D no AUTO CAD e depois o exporte para o 3DS MAX, por exemplo, para daí sim fazer a maquete eletrônica.
 
De qualquer modo, ainda que não seja mais usado para fazer maquete eletrônica o AUTO CAD continua sendo uma ferramenta importante e que trabalha em conjunto com programas 3D para se fazer a maquete.
 
Geralmente se você for fazer uma maquete eletrônica para algum escritório de arquitetura ou construtora você receberá o projeto em AUTO CAD para avaliar, orçar e se inteirar com os dados do projeto. Sendo assim, ainda que não mais muito usado, continua sendo vital que você saiba o básico deste programa para fazer suas maquetes eletrônicas.
 
Se você não conhece o AUTO CAD e gostaria de conhecer melhor o programa, clique no link abaixo e faça  DOWNLOAD de uma apostila de AUTO CAD totalmente GRÁTIS para você aprender a mexer no programa.
 
Link para baixar a apostila de AUTO CAD  AQUI.
 
 

3 – SKETCHUP

 

O que é Sketchup?

 

como-fazer-maquete-eletronica-sketchup

sketchup-maquete-eletronica-como-fazer
imagens: Sketchup

O SKETCHUP é um dos programas mais populares da atualidade para fazer maquetes eletrônicas.
 
Sua popularidade se deu não só pela facilidade de aprender a mexer no programa como pelo fato de durante muito tempo ter disponibilizado versões totalmente funcionais do programa e gratuitas, ou muito baratas.
 
Pra se ter noção, nas faculdades de arquitetura, entre os estudantes, o programa é o favorito e mais usado para fazer projetos de arquitetura.
 
Nos últimos temos o SKETCHUP tem se tornado mais restrito e apenas pagando se consegue o programa de forma que ele realmente atenda às necessidades do usuário.
 
Oura vantagem é que o SKETCHUP tem um site específico onde você encontra e pode baixar praticamente qualquer modelo 3D para usar nos seu projetos, o que facilita muito pelo fato de você não precisar criar tudo do zero.
 
Veja abaixo o site de blocos 3D e modelos prontos do SKETCHUP, o site se chama, 3d warehouse:
 
https://3dwarehouse.sketchup.com/
 
Além disso você pode encontrar o SKETCHUP assim como todas as informações, valores e condições do programa AQUI.
 

 4- LUMION

 

O que é Lumion?

 
Lumion é um software para fazer maquete eletrônica e animações em tempo real. Claro que este ¨tempo real ¨vai depender da potência do seu computador.
 
como-fazer-maquete-eletronica-lumion

como-fazer-maquetes-eletronicas-3d-no-lumion
                                                                     imagens: Lumion
 
Para que você consiga uma boa visualização em tempo real, principalmente quando fizer animação do projeto, ou seja, um tour virtual, seu computador deve ter além de memória, uma boa placa de vídeo.
 
Abaixo você consegue acessar o site do Lumion e ver tudo que precisa para rodar o programa de forma confortável e apropriada. Porque nada pior do que trabalhar com um software que exige muito do computador, com um PC que não consegue nos proporcionar a navegabilidade e gerenciamento da cena 3D de forma adequada.
 
Acreditem dá raiva e vai impossibilitar seus trabalhos. Isto serve para qualquer software que, como já dissemos, geralmente exigem computadores medianos para cima. Mais abaixo veremos configurações ideias para computadores que irão trabalhar com maquetes eletrônicas.
 
O Lumion, ao contrário dos outros programas citados, não serve para modelar o projeto em 3D.
 
Você precisa criar seu 3D em outro software, como 3DS MAX ou SKETCHUP e importa-o para dentro do ambiente do Lumion, ou seja, você faz o 3D em algum programa e depois importa o 3D no Lumion.
 
Dentro do Lumion você terá possibilidades de iluminar, texturizar e humanizar seu projeto.
 
O Lumion conta com uma super biblioteca de modelos que inclui vegetação para áreas externas, mobiliário para decorar os ambientes e até pessoas e carros, dentre outros elementos importantes para a realização de uma boa maquete eletrônica.
 
Acesse o site do Lumion AQUI
 

5 – REVIT

 

O que é Revit?

 
O Revit é o nosso 5º programa para fazer maquete eletrônica.
 
como-fazer-maquete-eletronica-revit

revit-como-fazer-projetos-3d
imagens: Autodesk
 
Mais um programa da gigante Autodesk, trata-se de um software com tecnologia BIM (sigla em inglês para Building Information Modeling).
 
A tecnologia BIM é algo que vem ganhando cada vez mais espaço no setor de engenharia, arquitetura e construção.
 
Esta tecnologia permite um melhor aproveitamento do projeto assim como maior eficácia de todos os elementos do projeto. A gestão de tudo fica mais fácil e o software, ou melhor, softwares com tecnologia BIM, possuem inteligência artificial capaz de lhe informar qual a melhor posição para as aberturas de modo que a iluminação e ventilação sejam potencializadas, além de manter uma organização do projeto mais eficaz.
 
Graças a sua capacidade de modelagem PARAMÉTRICA, caso você precise alterar algo no projeto, mesmo depois de pronto, ao ajustar uma parte do projeto todo resto se ajusta automaticamente, o que é uma ¨mão na roda¨.
 
Apesar de ser possível produzir as maquetes eletrônicas dentro do Revit, ou seja, além de fazer o projeto da melhor forma você consegue gerar as imagens e apé animações tudo com o Revit.
 
Talvez pelo fato do Revit ainda não estar completamente difundido pelos escritórios de engenharia e arquitetura, pelo menos no Brasil, ele é mais usado para fazer o projeto, assim como o AUTO CAD (o Revit é uma espécie de evolução do CAD) e não tanto para confeccionar as maquetes eletrônicas.
 
Mas como um software extremamente completo e eficiente, podemos fazer as maquetes eletrônicas no Revit também.
 
Veja uma maquete eletrônica feita no Revit abaixo:

como-fazer-mauete-eletronica-revit-vray
imagem: Revit
 
Existem mais programas para modelagem 3D e, consequentemente, para a criação de maquete eletrônica, mas os principais são os citados acima.
 
Não vamos especificar todos aqui pois já fiz um artigo explicando e mostrando os
 
Como fazer maquete eletrônica -  Os 10 principais programas
 
Click AQUI para ver.
 
Mas antes siga até o final aqui para não perder o foco e a linha de raciocínio.
 
Agora que sabemos o que é uma maquete eletrônica e quais são os principais e melhores programas para fazer maquete eletrônica vamos ver quais são os processos mais triviais e necessários para você fazer uma maquete eletrônica.
 
Cabe já adiantar que não se aprende a fazer maquetes eletrônicas em um artigo.
 
O processo é complexo e ninguém conseguiria explica-lo num único artigo, por mais completo que seja, e o objetivo deste artigo é justamente o de ser o artigo mais completo para você saber como fazer maquetes eletrônicas.
 
A importância deste artigo é que vai te servir de base para tudo que você vai precisar mais para frente caso realmente queira fazer maquetes eletrônicas.
 
Ou seja, você não está perdendo tempo aqui, nem eu, estamos tratando de temas fundamentais que facilitarão muito sua vida depois.
 
Continue até o final e saia daqui sabendo realmente o que fazer, e da melhor forma.
 
A informação é quesito fundamental para que se consiga sucesso em qualquer área, além de nos deixar atentos para não cair em qualquer conversa que nos chegue sobre este assunto.
 
Este artigo te deixará mais esperto e preparado para enfrentar os desafios e necessidades que surgirão para aqueles que adentrarem neste mercado, o mercado de maquetes eletrônicas.
 
 Então vamos tentar resumir da melhor forma o processo completo de fazer uma maquete eletrônica.
 
 

COMO FAZER UMA MAQUETE ELETRÔNICA?

 

Como  fazer uma maquete eletrônica na prática:


 
como-fazer-maquete-eletronica-na-prática
imagem: Bender

Os primeiros passos para fazer uma maquete eletrônica é ter um software 3D, como os citados amais acima, um bom computador e obviamente, um PROJETO ARQUITETÔNICO.
 
Não vamos abordar como se faz um PROJETO de ARQUITETURA aqui.
 
Partiremos considerando que você recebeu um projeto pronto e apenas precisa fazer as maquetes eletrônicas deste projeto.
 
Caso você queira fazer um teste ou praticar e não possui um projeto arquitetônico de exemplo ou para usar como modelo, eu deixo abaixo um link onde você poderá receber um projeto arquitetônico completo de uma casa para usar como modelo para fazer sua maquete eletrônica.
 
Acesse o projeto clicando AQUI.
 
Você receberá o projeto totalmente grátis e para usá-lo como quiser. Para recebê-lo apenas precisa se inscrever no canal. Tudo muito simples e GRÁTIS.
 
Com o projeto em mãos, entramos na primeira etapa, que inclusive já falamos acima, que é a de abrir o projeto e avaliar o conteúdo, detalhes e especificações.
 
Ainda que tenhamos citado mais de um programa, escolheremos aqui alguns para mostrar o processo de feitura de uma maquete eletrônica.
 
O projeto que disponibilizei acima é este, e foi feito no Auto Cad:
 
projeto-grátis-para-fazer-maquete-eletronica
imagem: Bender
 
Repare que o projeto está completo e com as informações que precisamos para fazer nossa maquete eletrônica.
 
Basicamente vamos focar nas plantas baixas da casa, fachadas da casa, e cortes da casa ( ou elevações ). Veja abaixo o que é cada um:

 
O QUE É UMA PLANTA BAIXA?

 
O-que-é-planta-baixa

o-que-é-uma-planta-baixa
imagem: Bender

Planta baixa é um desenho técnico que mostra o projeto como se fosse cortado e retirado o telhado, teto e forro, até a metade da altura das paredes de modo que consigamos ver os espaços internos do projeto vistos de TOPO.
 
Repare que na planta baixa é que teremos informações de metragem quadrada do projeto e dos ambientes, posição das aberturas além de noções de espaço e circulação dos ambientes.
 
Veja abaixo as setas indicativas no desenho:
 
como-fazer-planta-baixa
                                                                      imagem: Bender

 

 O QUE É UMA FACHADA?

 
Fachada é o projeto visto de frente, e não de TOPO como no caso da planta baixa.
 
São desenhos técnicos que nos mostram as partes externas do projeto. Geralmente trazem informações sobre os elementos que serão usados na fachada assim como matérias e cores.
 
Veja abaixo a fachada (ou elevação) de uma casa, a mesma casa do projeto que estamos trabalhando:


                            fachada-de-casas
                                                                          imagem: Bender
 

 O QUE É UM CORTE?

 
Como o nome sugere, corte é semelhante a planta baixa, porém ao invés de cortar o topo das paredes removendo tudo que está acima de 90 cm, no caso de um corte você vai cortar o projeto na vertical ou horizontal de modo a mostrar a parte interna do projeto, mas com a intenção de ver as alturas. Por exemplo a altura do pé-direito, altura do peitoril da janela dentre outros detalhes.
 
Veja abaixo o corte da casa que estamos trabalhando:
 
maquete-eletronica-projeto-corte
                                                                       imagem: Bender

Estes são os 3 principais elementos que você precisará para fazer uma maquete eletrônica.
 
-Plantas baixas
 
-Cortes
 
-Fachadas.
 
Como o projeto foi feito no Auto Cad e estamos o avaliando dentro do CAD, depois de estarmos familiarizados com o projeto e sabendo o que fazer, devemos salvá-lo para importar este arquivo do projeto feito em Auto Cad para dentro de um programa 3D.
 
Estaremos usando o 3DS Max para isso.
 
O processo é o seguinte:
 
Depois de abrir e verificar o projeto no Auto Cad, e depois de salvar este projeto, você abrirá o 3DS MAX e vai precisar importar este arquivo para começar a fazer sua maquete eletrônica dentro do 3ds Max.
 
Veja abaixo:

 

COMO IMPORTAR UM ARQUIVO DE AUTO CAD NO 3DS MAX?


É difícil explicar algo já que, para entender totalmente, você precisaria saber mexer no 3ds Max.
 
Mas como já falamos, a ideia aqui é te passar tudo que você precisa para fazer uma maquete eletrônica, além de te mostrar como fazer, te dar uma ideia de como funciona o processo de modo que você, caso resolva fazer uma maquete eletrônica, saiba aonde está se metendo, e não se sinta perdido.
 
É interessante também que, com este processo que estamos vendo, talvez de inspire ou te mostre de uma vez por todas que não é bem isso que você esperava.
 
Isso lhe poupará tempo, seja qual for sua escolha.

Após ter importado o projeto para dentro do 3Ds Max, enfim, podemos começar a fazer a parte mais legal e realmente começarmos a fazer uma maquete eletrônica.
 
Com o projeto importado e aberto no 3ds Max você deverá começar pela modelagem 3D, ou seja, baseado no desenho 2D que importamos do Auto Cad, começaremos a modelar nossa casa em 3d.
 
Geralmente começaremos modelando as paredes, colocando as aberturas, telhado, piso e assim por diante.
 
Veja abaixo algumas imagens de exemplo mostrando o processo que começou com a modelagem das paredes e terminou no terreno da casa:
 
1-Importe o arquivo feito no Auto Cad para o 3DS Max:

como-fazer-maquete-3ds-max-importar-arquivo
importando-arquivo-auto-cad-3ds-max

2- Depois que você importou o projeto feito no Auto Cad para dentro do 3DS MAX, comece a modelar (fazer o 3d) a partir das PAREDES.

como-fazer-maquete-eletronica-3ds-max-modelando-as-paredes

3- coloque as aberturas do projeto, ou seja,portas e janelas usando as ferramentas mostradas na imagem abaixo:

maquete-eletronica-como-fazer

4- coloque piso e telhado: (coloque quer dizer, modele em 3d )

modelando-uma-maquete-eletronica
maquete-eletronica-casa-telhado-2-águas

5- faça o terreno da casa e os demais arremates como no topo das paredes para encaixar no telhado, por exemplo:

fachada-de-casa-maquete-eletronica

Depois de modelar o projeto arquitetônico, seja lá qual for, em 3D, começamos a refinar o projeto e agora sim estamos cada vez mais próximos de algo que pode-se chamar de maquete eletrônica.
 
Para realmente dar vida e realismo para sua maquete eletrônica você terá de iluminar a cena com luzes que o 3DS MAX disponibiliza para isso. Veja abaixo:
 
como-iluminar-maquete-eletronica
imagens: Bender

Uma boa iluminação é fundamental para o realismo da cena e é quesito fundamental para que sua maquete eletrônica fique natural e atraente.
 
DICA:
 
Uma dica importante para se obter maquetes eletrônicas realistas e de qualidade é respeitar os valores, escalas e propriedades físicas reais, ou seja, você está trabalhando num ambiente virtual, mas usando valores de intensidade de luz, seja natural ou artificial, próximos aos da vida real.
 
Por exemplo:
 
Se você vai iluminar uma sala da forma mais simples, apenas como uma luz no teto, seria bom que esta luz tenha valores reais, como 100Wats, por exemplo.
 
Você não teria bons resultados se simplesmente colocasse uma luz no ambiente sem verificar sua intensidade. Um ambiente de amanho médio não ficará bom nem com uma luz muito fraca nem muito forte.
 
Depois de iluminar a cena, pelo menos previamente, é chegada a hora de texturizar e colocar materiais nos objetos 3D que criamos e que formam o projeto.
 
Isso quer dizer de forma simples que é a hora de botar cores no projeto, texturas, por exemplo a cor branca em uma parede, ou uma textura de tijolo ou concreto etc.
 
Aparte de texturização é muito satisfatória por é neste momento quer começamos a ver de fato nossa maquete eletrônica com vida e mais realista e próxima do resultado final que queremos.
 
como-criar-materiais-realistas,3ds-max

materiais-texturas-3ds-max-exemplos

texturizar-maquete-eletronica
Imagens: Bender

Os materiais e texturas, assim como a iluminação, devem seguir parâmetros que se aproximam da realidade para que tenhamos resultados mais naturais.
 
Por exemplo:
 
Se você quer fazer que uma determinada parede tenha material de tijolo à vista, você precisará se preocupar com o tamanho do tijolo em relação ao modelo 3d, ou seja, à parede, escala dessa textura e até mesmo com a qualidade dela.
 
Não adianta caprichar na modelagem 3D e depois colocar uma textura mal feita ou com baixa resolução.
 
Mas isso não é um problema, é mais questão de atenção e capricho, porque temos acesso de forma grátis a milhares de texturas na internet.

Abaixo deixo link de um dos melhores sites para se conseguir texturas para maquetes eletrônicas de qualidade e gratuitamente.
 
Veja o site de texturas AQUI

site-para-baixar-texturas
imagem: cg textures

Depois de algumas horas de trabalho, após importar o projeto, fazer a modelagem 3D, depois de iluminar sua cena e ter colocado os matérias e texturas você terá algo próximo a imagem abaixo:
 
maquete-eletronica
                                                                    imagem: bender
 
A partir deste ponto já podemos dizer que temos uma maquete eletrônica, ¨meia boca¨ ainda, mas já podemos ver o resultado se formando e, pra você que não sabia o que era uma maquete eletrônica, já pode ver melhor do que se trata.
 
O processo começa a se tornar cada vez mais prazeroso pois agora estamos na etapa de adicionar elementos que deixem nossa maquete eletrônica mais natural e convincente.
 
Agora é a parte que lapidamos o projeto e acrescentamos elementos como vegetação, mobiliário, carros e até pessoas.
 
Estamos quase lá mas ainda faltam alguns detalhes importantíssimos para o sucesso da sua maquete eletrônica.
 
Esta parte da ¨lapidação¨ e humanização da maquete eletrônica deve seguir os mesmos cuidados que tivemos quanto às luzes e texturas.
 
Os elementos devem seguir propriedades e características fisicamente corretos.
 
E o que isso quer dizer?
 
Quer dizer que se você colocar um carro na cena, é bom que o material deste carro seja próximo ao material de um carro real, com pintura mais metalizada, por exemplo.
 
Principalmente a escala, ou seja, o tamanho. Você deveria saber as medidas de um carro para replicar estas medidas no seu carro 3D.
 
Isto serve para tudo como por exemplo uma pessoa tem em média 1,70m.
 
Se você adicionar uma pessoa 3D na cena sem respeitar essas medidas, ficará irreal, pois a pessoa ficará menor ou maior que o ideal, o que vai prejudicar a resultado final.
 
Uma árvore que você adiciona, por exemplo, deveria ter suas folhas semi-transparentes, como é na realidade.
 
Se você colocar 2 árvores, ainda que da mesma espécie, seria interessante que elas não fossem exatamente iguais, porque na natureza não existe 2 árvores exatamente iguais.
 
Geralmente uma é menor, outra mais verde, mais amarelada e assim por diante.
 
Quando se fala em detalhar e tornar sua maquete eletrônica REALISTA, é basicamente com estas coisas que você deve se preocupar.
 
Sempre que você seguir usando, em tudo, padrões fisicamente corretos, melhor o resultado pois o próprio ambiente, não só do 3ds Max, mas dos programas 3D em geral, é proporcionar um ambiente virtual que simula a realidade.
 
Cabe a você fazer sua parte respeitando estes critérios para que o programa consiga representar sua maquete eletrônica da melhor forma possível.
 
Veja abaixo 2 exemplos.
 
O primeiro é uma MAQUETE ELETRÔNICA sem realismo, artificial, que não segue as leis da natureza em termos de luz, materiais e escala. Veja que apesar de ¨passar o recado¨ e fazer a representação da casa, não está muito verossímil e muito menos atraente.
 
maquete-eletronica-feia

O segundo exemplo mostra uma maquete eletrônica extremamente bem feita e caprichada.
 
Podemos reparar que a iluminação está bem natural e a escala dos objetos assim como as cores e texturas estão todas dentro do que o olho humano considera CERTO, e BONITO, e CRÍVEL.
 
Para muitas pessoas que olharem de forma rápida ou que não sabem que se trata de uma maquete eletrônica, poderiam realmente pensar que se trata de uma fotografia da casa.
 
fachada-casa-japonesa-moderna
imagem: Bender

Isso nos traz novamente para a questão do PODER de uma MAQUETE ELETRÔNICA.
 
Repare que quando a maquete eletrônica é bem feita, ela fica mais realista, e em alguns casos, extremamente realista, e aí está seu poder.
 
Quando o cliente vê uma maquete eletrônica ele tem a sessão de estar realmente vendo a casa, ainda que ela nem tenha começado a ser construída.
 
Mesmo sem existir na realidade, ela existe no mundo virtual através da maquete eletrônica, e psicologicamente isso muda tudo.
 
O cliente pode realmente ver antecipadamente o resultado final.
 
E isto não é importante apenas para vermos o resultado final antes da hora, mas vendo previamente a obra pronta através das maquetes eletrônicas conseguimos avaliar se as melhores escolhas foram feitas e se está como queremos.
 
Caso não esteja como pensamos que estaria, muitas vezes é por uma maquete eletrônica mal feita que não conseguiu passar a ideia certa do projeto.
 
Em outros casos a maquete está bem feita e o problema não é ela, mas o projeto, e graças à maquete eletrônica podemos ver os erros ou detalhes que nos desagradam de modo que possamos alterar o projeto.
 
Imagina construir uma casa de fato e só aí perceber que tal detalhe não está legal?
 
Seria um prejuízo imenso, assim como o transtorno que geraria.
 
Com a maquete eletrônica você vê tudo antes mesmo de comprar os tijolos da obra, e assim você consegue ser mais assertivo e principalmente consegue economizar dinheiro e preocupações.
 
como-fazer-casa-barata
                                                                 depositphotos.com

Bom, é segundo estes passos que você conseguirá fazer maquetes eletrônicas da casa, maquetes eletrônicas de prédios, plantas baixas humanizadas e tours virtuais que realmente consigam ser competitivos no mercado.
 
E isso nos leva para um novo tópico que eu gostaria de deixar mais para o final mas vou aproveitar o gancho.
 
 

QUANTO CUSTA UMA MAQUETE ELETRÔNICA?


maquete-eletronica-preço-valor-quanto-custa
imagem: Bender

Da pra ganhar dinheiro fazendo maquetes eletrônicas?

 

Quanto cobrar por uma maquete eletrônica?


Qual é o preço de uma maquete eletrônica? 

 
A resposta obviamente é, SIM! Dá pra ganhar dinheiro fazendo maquetes eletrônicas, bastante dinheiro na realidade.
 
Mas como em todas as outras áreas e profissões, isso dependerá muito da qualidade das sias maquetes eletrônicas.
 
Por isso insisti que estas informações são valiosas, pois te fazem conhecer previamente o que é uma maquete eletrônica, como se faz uma maquete eletrônica, quais os programas para fazer maquete eletrônica e quanto custa uma maquete eletrônica.
 
Perceba que são dados fundamentais para quem quer começar com ¨o pé direito¨
Este artigo é uma espécie de ¨maquete eletrônica¨ em forma de texto. Pois ele te mostra vários elementos e pontos e características que te dão uma noção mais realista de tudo.
 
Assim como a própria maquete eletrônica que, como vimos, mostra a obra antes de estar pronta.
 
Com estas informações você saberá previamente se vale a pena fazer uma maquete eletrônica, se vale a pena fazer maquetes e eletrônicas e quanto ganha fazendo maquete eletrônica.
 
Isso é muito importante, acredite em mim pois trabalho nessa área a mais de 20 anos.
 
Se eu soubesse essas coisas quando comecei teria evitado vários erros e equívocos.
 
informaçao-sobre-maquete-eletronica
Imagem:depositphotos.com 

O fato é que o mercado é flexível e tem lugar para maquetes eletrônicas boas, médias e até ruins.
 
Existe mercado e você vai conseguir vender suas maquetes mesmo que elas sejam horríveis, por como eu disse, existe mercado para todos os tipos de maquetes eletrônicas.
 
Mas adivinha qual a diferença?
 
É que quanto melhor for suam maquete eletrônica, melhora vai ser o cliente que vai solicitá-la, e melhor será o valor que você ganhará por sua maquete eletrônica.
 
Por isso existe mercado para todos. Porque certamente tem cliente que não consegue compreender o valor deste trabalho e se recusa a pagar mais do que 200 reais por uma maquete eletrônica.
 
Este cliente certamente vai fechar contrato com alguém que faz maquetes eletrônicas por 100 reais, e adivinha?
 
Claro que a qualidade vai ser proporcional ao valor cobrado, pelo menos e, 99% dos casos.
Mas não tem problema pois assim com este cliente menos qualificado não valoriza a maquete eletrônica de qualidade, ele nem tem capacidade de avaliar que a maquete eletrônica barata que ele escolheu, a maquete eletrônica que custou 100 reais, é de péssima qualidade.
 
Quase sempre as coisas são proporcionais e os profissionais que fazem as melhores maquetes eletrônicas serão procurados pelos clientes que valorizam e que estão dispostos a pagar bem pela qualidade do trabalho.
 
Espero não te decepcionar mas, não é possível dizer quanto custa uma maquete eletrônica nem quanto alguém que faz maquetes eletrônicas ganha, porque é relativo e de pende da qualidade do trabalho, da força de trabalho, ou seja, de quantas você consegue fazer, dentre outros detalhes.
 
Mas o dado positivo é que, assim como tem pessoas cobrando 100 reais por uma maquete eletrônica, 50 reais por 2 maquetes eletrônicas, dentre outros absurdos, tem profissionais que cobram 500 reais por cada maquete eletrônica.
 
O que ainda é pouco, mesmo aqui no Brasil.
 
Tem profissionais e estúdios que cobram DÓLARES por cada maquete eletrônica.
 
Parece exagerado este salto de 50 reais para 500 dólares, mas como eu disse, é proporcional à qualidade. Mercado tem para os dois, para o que cobra barato pela maquete eletrônica e para o que cobra caro.
 
Você decide qual dos dois lados estará, ou numa posição intermediária, o que não é nada ruim, pelo contrário.
 
Vou te dar um exemplo de uma empresa brasileira que fatura alto com maquetes eletrônicas e que é referência na área, eu sou fã das maquetes eletrônicas deles e de todos os trabalhos que eles fazem em geral.
 
Esta empresa é a NEORAMA.

maquete-eletronica-como-ganhar-dinheiro
imagem: Neorama

Uma empresa TOP de linha no segmento de maquetes eletrônicas e animações que só trabalham com clientes que estão no mesmo patamar da qualidade que eles apresentam.
 
Não preciso falar de valores porque não sei exatamente, mas estão nesta faixa que falei acima, de centenas de dólares.
 
A NEORAMA já fez trabalhos com a Rede GLOBO como os efeitos especiais de uma tele novela chamada ¨Deus salve o Rei¨
 
O que quero dizer com isso é que, ninguém imagina a GLOBO pedindo por desconto, pechinchando por valores, pelo contrário, a Rede GLOBO de  Televisão, no que tange qualidade de som e imagem e conteúdo, sempre optou pela qualidade extrema em tudo que fez. (me refiro ao som dos caras, imagem, locações, estrutura etc)
 
Falei tudo isso com a intenção de provar para você, mesmo que assim, de forma mais informal, que SIM, é possível ganhar dinheiro fazendo maquetes eletrônicas.
 
Muito dinheiro.
 
maquete-eletronica-qual-é-o-preço
                                                                   Imagem:depositphotos.com 

Mas vai depender da qualidade das suas maquetes eletrônicas e da demanda de trabalho que você consegue dar conta.
 
Quer mais exemplos de valores de maquetes eletrônicas?
 
Eu vou te dar mais exemplos!
 
Espero que você leve em conta o que falei sobre a dificuldade de definir quanto vale uma maquete eletrônica, ou quanto cobrar por uma maquete eletrônica, por tudo que dissemos acima, qualidade, clientes etc
 
Mas levando em conta esta margem de erro seguem abaixo mais alguns exemplos de valor associado a qualidade da imagem:
 
exemplo 1 - maquetes eletrônicas por 10 dólares (50 reais)

maquete-eletronica-10-dolares

exemplo 2 - maquetes eletrônicas por 100 dólares ( 500 reais)

maquete-eletronica-100-dolares

exemplo 3 - maquetes eletrônicas por mais de 100 dólares

maquete-eletronica-preço-qualidade
                                                                   imagens: Bender

E para contrapor à NEORAMA, a qualidade, e os aspectos positivos e que porem gerar muito dinheiro, veja abaixo uma propaganda paga no GOOGLE onde alguém se oferece para fazer maquete eletrônica por 20 reais!
 
maquete-eletronica-barata
imagem: Goggle

Não quero tornar este artigo enfadonho, não pelo excesso de informações, pois isso é o que realmente vale, mas pelo tamanho do artigo. Talvez você possa ler em duas etapas.
 
NÃO QUERO TE CANSAR COM EXCESSOS.
 
Até porque, sabemos que textos longos tendem a não serem lidos, pelo menos não por completo.
 
Mas isto também pode ser um sinal da sua dedicação sobre o assunto, o que te eleva para um novo patamar, o patamar dos que realmente ¨fazem por merecer¨ e certamente se você fizer maquetes eletrônicas vai procurar fazer se inspirando e seguindo padrões de qualidade como os da NEORAMA.
 
 

QUAL O MELHOR COMPUTADOR PARA FAZER MAQUETE ELETRONICA?

 
Esta é uma pergunta recorrente e que sempre traz dúvidas para quem está iniciando, ou até para quem já está trabalhando com maquetes eletrônicas:
 

Qual computador devo comprar para fazer maquetes eletrônicas?

 
Eu não vou especificar componentes neste tópico de forma precisa.
 
Realmente para quem quer começar a fazer maquetes eletrônicas não sei se é necessário ser técnico aqui, mostrando características de placa de vídeo e coisas do tipo.
 
Mas as dicas que vou te dar serão não só suficientes como na medida para você ter um bom computador para fazer suas maquetes eletrônicas.
 
Você vai precisar de um computador basicamente com:
Um bom processador, pelo menos com uns 4 núcleos, sendo que um bom computador teria 7 núcleos pelo menos.
 
Intel Core i7, por exemplo.
 
Claro que você não vai se ater à INTEL nem ao Core i7, a AMD tem ótimos processadores também. Estou apenas dando um exemplo como base de qualidade e potencial.
 
Você precisa de bastante espaço no HD já que muitos projetos ficam bem pesados assim como todos os processos feitos e, 3D assim como os modelos feitos, tudo é mais ¨pesado¨ do que o normal.
 
O que quero dizer é que dificilmente você terá um arquivo com menos de 10, 20, 200Mb.
 
Além de que não modelamos tudo do zero numa maquete eletrônica.
 
Você modela a parte arquitetônica, a casa, o prédio. Toda a humanização como carros, pessoas e vegetação, até mobiliário, geralmente inserimos blocos prontos, já modelados e armazenados numa biblioteca de modelos 3D.
 
Estas bibliotecas que nada mais são que pastas contendo arquivos (os modelos 3D) também ocupam bastante espaço no HD.
 
Claro que você pode hospedar isso na nuvem ou fazer de outra forma que for mais apropriada para você. Novamente, não se prenda as dados, só estou comentando aspectos a serem considerados ao montar seu computador para fazer maquetes eletrônicas.
 
Memória RAM você vai precisar de pelo menos 8Gb.
 
Os valores que estou recomendando são para você conseguir fazer suas maquetes eletrônicas sem ficar com raiva a ponto de quebrar seu computador.
 
Placa de vídeo é muito importante, principalmente no caso das maquetes eletrônicas. Tudo que citei é fundamental, mas no caso das placas de vídeo existe uma peculiaridade.
 
Alguns programas usam somente a CPU para processar renderizar sua maquete eletrônica. (renderizar = processo de gerar a imagem final)
Outros usam GPU, e nestes casos você precisa de uma boa placa de vídeo sendo que, em alguns casos, pode nem rodar.
 
Talvez um bom exemplo, extremamente genérico e popular, é considerar estes programas 3D como 3ds Max e os outros que vimos como se fossem JOGOS PESADOS.
 
Para fazer maquetes eletrônicas você precisa um computador que é capaz de jogar de forma tranquila um jogo como 7. Final Fantasy XV, por exemplo. Ou qualquer outro nesse estilo.
Estes seriam os principais pontos para você se preocupar na hora de montar um computador para fazer maquete eletrônica.
Mas para um bom desempenho é preciso um computador bom como um todo. Não adianta um super processador com uma CPU que não refrigera bem.
Em suma, um computador aceitável para se trabalhar com maquetes eletrônicas e que não custe um ¨olho da cara¨ teria componentes e características como as que citei acima.

computador-para-fazer-maquete-eletronica
                                                                 Imagem:depositphotos.com

COMO ESTÁ O MERCADO DE MAQUETES ELETRONICAS?

 

Tem bastante trabalho para quem faz maquetes eletrônicas?

 
Como falamos mais acima o mercado é flexível e tem lugar para as melhores maquetes eletrônicas assim como para as piores maquetes eletrônicas.
 
Fazendo as piores maquetes eletrônicas você terá os clientes menos exigentes e que pagam pouco.
 
Se você aprender a fazer a melhora maquete eletrônica, terá o melhor cliente, que paga mais, ou o justo pela qualidade.
 
Fazendo maquetes eletrônicas medianas você terá bons clientes.
 
Lembre-se:
 
Seu trabalho valerá pela qualidade que ele tem.
Claro que fatores como prazos, preços justos e a forma como você vende seu trabalho também influenciam.
 
A questão é que, maquetes eletrônicas de qualidade atraem melhores trabalhos os quais são mais complexos e exigem mais esforços mas que geram mais renda.
 
 

POSSO TRABALHAR COMO FREELANCER FAZENDO MAQUETE ELETRONICA?

 

Dá pra trabalhar em casa fazendo maquetes eletrônicas e ganhar dinheiro?

 
A reposta é sim.
 
Se você pensar bem muitos trabalhos atualmente podem ser feitos de casa, ou de forma autônima, como freelancer, e fazendo maquetes eletrônicas você pode trabalhar como freelancer e prestar serviços.
 
Ou você pode abrir uma empresa e montar uma equipe.
 
Isso depende mais do seu objetivo.
 
De qualquer forma é possível trabalhar com maquetes eletrônicas e ganhar dinheiro, seja fazendo suas maquetes eletrônicas como freelancer ou com uma equipe numa empresa.
 
Mas para quem gostaria de iniciar é uma ótima maneira de trabalhar em casa e ganhar uma boa renda com isso.
 
Mas independente do mercado abrigar todos tipo de maquetes eletrônicas, opte por fazer suas maquetes eletrônicas da melhor forma, dando o máximo de si, e sempre estudando e buscando melhorar.
 
Desta forma você sempre terá trabalhos para fazer e isso vale para qualquer profissão ou ofício.
 
Espero ter abordado o máximo de tópicos e informações úteis neste artigo e que essas dicas e informações possam te ajudar de alguma maneira.
 
Se precisar de algo mais como dicas, alguma sugestão, se quiser tirar alguma dúvida ou trocar uma ideia, comenta aí embaixo que respondo.
 
Ou mande e-mail para – bender10@gmail.com
 
Até à próxima.


Se inscreva no nosso canal no Youtube para ter mais conteúdos deste tipo:









Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

comentários